Portaria Remota

Infelizmente, estamos cada vez mais preocupados com a violência que nos cerca. Por causa disso, precisamos buscar novas estratégias para garantir condomínios cada vez mais seguros. Uma opção que vem ganhando adeptos é a portaria remota, onde não há um porteiro no local e a entrada e saída de visitantes são controladas por uma central, com câmeras de segurança.
No Brasil, a tecnologia vem chegando aos poucos, trazendo inovação às cidades do país. Por exemplo, apenas no município de São Paulo, estima-se que cerca de mil condomínios já aderiram a portarias remotas.
Aliando modernidade, redução de custos e segurança, o sistema de portaria remota é um dos principais exemplos de automatização de condomínios.

O que é portaria remota?

A portaria remota substitui a presença física de um porteiro no condomínio por um gerenciamento à distância. Um funcionário trabalha diretamente de uma central de monitoramento, controlando o acesso de pessoas através das câmeras de segurança 24 horas por dia.

Como funciona a portaria remota para condomínios?

Ao chegar no condomínio, o visitante aperta a campainha e conversa com o porteiro através da portaria eletrônica, que funciona via interfone. Enquanto isso, o funcionário da empresa notifica o morador por interfone, telefone ou aplicativo de celular e confere se a entrada é autorizada. Tudo isso utilizando a internet.
A entrada de moradores é feita com um sistema de identificação que reconhece impressão digital (biometria), cartões magnéticos ou até mesmo a TAG.
Para que tudo isso funcione perfeitamente, A Imagem Segurança proporciona ao condomínio uma infraestrutura com tecnologia de controle de acesso e CFTV que consiste em: câmeras de segurança, sistema de identificação de moradores e conexão de internet para que as imagens sejam transmitidas em tempo real.